segunda-feira, 11 de agosto de 2014

Benefícios do Óleo Palmiste e Óleo de Palma para o Cabelo

ÓLEO VEGETAL DE OJON (PALMISTE)
Óleo palmiste conhecido comercialmente como óleo de Ojon (Elaeis oleifera) é uma espécie de palmeira nativa das Américas Central e do Sul, que predomina desde Honduras até o norte do Brasil, principalmente na região amazônica. É bem comum em ilhas do Caribe. Seu fruto é uma polpa que possui castanhas no seu interior, e é a partir dessas castanhas que o óleo palmiste, conhecido como ojon ou american oil é obtido.  O óleo extraído é rico em lipídeos e em ácidos graxos, como ácido oleico e linoleico. Rico em aminoácidos, antioxidantes naturais e lipídeos, o óleo palmiste reúne todas as propriedades necessárias para manter os cabelos saudáveis. Proporciona recuperação das células capilares, brilho intenso, força, anti frizz e protege das agressões diárias.
ÓLEO VEGETAL DE PALMA (AZEITE DE DENDÊ)
Palma ou dendê é o fruto dado pelo dendezeiro (Elaeis guineensis), uma palmeira originária da África que foi trazida ao Brasil e se adaptou no litoral baiano devido ao clima tropical. Há dois tipos de óleos que podem ser obtidos a partir do mesmo fruto: o óleo de palma (extraído da polpa) e o óleo de palmiste (extraído da amêndoa).

O óleo de palma contém muitos ácidos graxos, como ácido palmítico, ácido esteárico, oleico (ômega 9) e linoleico (ômega 6), além de ser fonte de tocoferol e tocotrienol (vitamina E), que atuam como antioxidante e também são ricos em betacaroteno (vitamina A). Apresentar propriedades antioxidantes que combate radicais livres. Previne o envelhecimento precoce e atua no combate as ruga da pele. No cabelo combate o ressecado e o frizz, amacia e dar brilho aos fios.